UMA CARTA PARA MIM MESMO

(Imagem: Joest Pierre)

Ei, rapaz. Levante a cabeça! Talvez hoje ninguém reconheça o valor do seu coração gigante, mas não deixe de passar adiante o amor que só você sabe o valor. Sonhar custa caro e nem todos estão dispostos a arriscar, mas com um sorriso confiante no rosto te digo que não há uma estrela no céu que você não possa alcançar. 

Todos aqueles dias que você passou no mundo da lua serviram para te mostrar que você não nasceu para ter os pés no chão e que tudo o que te falta é a coragem pra voar. Pegue impulso. Se jogue na primeira oportunidade. Porque pior que receber um "não" é deixar escapar a própria felicidade.

As pessoas podem não acreditar que você seja capaz de fazer a diferença, mas te digo que essa diferença já foi feita quando você superou as risadas que recebeu dos colegas na infância ou quando não deixou que o seu coração ficasse refém de lembranças que nunca voltarão. Quando enfrentou a dor de um coração partido ou quando não deixou um amigo ferido estendendo-lhe a mão. A diferença você continua fazendo quando insiste em acreditar nos próprios sonhos, mesmo que todos eles fujam da razão. Porque do que adianta ter razão quando a própria não é capaz de nos levar a lugar algum? O mundo é dos que ousam e ousar não é para qualquer um.

Não se envergonhe de ser quem você é e do que você tem para oferecer, porque é do teu pouco que muito ainda será feito. Não deixe de viver pelo medo do que eles vão pensar porque o que eles pensam em nada irá somar naquilo que deveria ser só seu. O seu mundo é seu. Os sonhos são seus. O que mais poderia te parar? Conquiste pelo teu esforço,  pois como você mesmo diz: "o que importa nessa vida são as conquistas de alguém que as mereceu".

Esse texto faz parte do projeto Cinco Lados e cumpre o "Desafio 3 - Uma carta para alguém". 

Nenhum comentário :

Postar um comentário