Quero morar no teu abraço

Existe um lugar apertado para viver, mas que viveria com o maior prazer. Quando me entristeço é lá que eu encontro afago, que me desfaço e que me reinvento. Abraço que levo em todos os momentos como fonte de amor e inspiração. 

Já visitei vários deles, mas em nenhum me senti tão em casa quanto no seu. Nele me completo oferecendo o que posso e recebendo o que me é recíproco. Me sinto pleno, vivo e feliz. Me sinto gente. É simples, mas suficiente.

É como se eu pertencesse à esse lugar e tudo no universo conspirasse para que aos seus braços sempre retornasse. E no final do dia, quando nele me encontro, sempre tenho a certeza de que:
se eu pudesse morar em qualquer lugar escolheria morar no teu abraço. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário